quinta-feira, 12 de junho de 2014

Torcida


Eu vou torcer sim, pelo meu país, pelos políticos corruptos, pela justiça injusta, pelos hospitais em péssimo estado, pelas escolas de má qualidade. Ainda mais, torço pelos professores que ganham mal, pelos bombeiros que também ganham mal, pelos enfermeiros, pelos policiais. Torço também pela segurança que, numa escala de 0 a 10, está com nota 2; torço pelos médicos que, por ganharem "pouco" no SUS, tratam mal os pacientes. E acima de todos, torço pelo brasileiro, ignorante sem saber, que vota todo ano nos mesmos candidatos errados, que não sabe reivindicar seus direitos sem esquecer dos seus deveres; torço pela população inteira que sofre pelas más escolhas uns dos outros.
Torço por todos, menos pela seleção, porque chutar uma bola num campeonato mundial faz cada jogador ter fama, carreira e MILHÕES de reais no bolso. Dinheiro esse que ajudaria milhares de pessoas que sofrem com a fome, com a seca, com a má qualidade do ensino, do saneamento básico, do sistema único de saúde, dos transportes públicos e da segurança.
É triste saber que dinheiro realmente é tudo o que precisamos pra ter uma vida de qualidade. É triste ver o Itaquerão lotado com pessoas que tem MUITO dinheiro e nem 1/4 da população tem o mesmo tanto de dinheiro pra poder estar lá também. É triste saber o quanto o povo brasileiro sofre enquanto uma minoria se diverte.
Vai mesmo ter Copa? Sim, já está tendo. Mas essa brincadeira não deveria nem ter começado. Eu continuo contra a copa e continuo tentando descobrir em quem votar em outubro pra ajudar a melhorar o país. O mais triste é ter que escolher "o menos ruim" pra ser presidente do meu Brasil.

*Artista Paulo Ito fez o grafite.

Nenhum comentário: